sábado, 20 outubro de 2018

COMO NASCEU A CIÊNCIA MODERNA E AS RAZÕES DA FILOSOFIA

Japiassu, Hilton

328 páginas

R$ 57,00

Sinopse


O objetivo de Como Nasceu a Ciência Moderna é o de narrar a história circunstanciada de sua fundação na aurora da Modernidade e elucidar seu programa epistemológico de pensar e poder. O que vai caracterizá-la é seu desejo de conhecer, quer dizer, apropriar-se, explorar, manipular e dominar. Trata-se de uma ciência sem sujeito. No exame de suas circunstâncias, duas teses prevaleceram: 1) o saber e o poder andam juntos; 2) a ciência torna o homem mestre e possuidor da natureza. Ambas estão na origem da ideologia científica marcando profundamente a ciência posterior.

Donde a importância de analisarmos: a) seu programa mecanicista estabelecido a partir da mediação do realismo e do racionalismo dos novos empresários que passam a assumir a construção do novo mundo graças às aplicações do novo Saber; b) seu projeto de poder ou desejo de submeter, dominar e manipular em nome do Saber, independentemente de toda autoridade, a partir apenas de conhecimentos fundados na Razão e na Experiência suscetíveis de constituir uma verdadeira apropriação do mundo adaptada a certo modo de vida, a certa organização coletiva e a certos valores socioculturais.

Por isso, se o trabalho do filósofo não é o de justificar ou legitimar o que sabemos, mas o de promover a crítica do pensamento sobre ele mesmo, precisamos fazer de nossa investigação sobre como nasceu a ciência moderna um empreendimento que nos leve a saber como e até onde devemos pensar de outra forma.



Encontre o livro que você está procurando:

Copyright © Imago Editora Ltda. | Todos os direitos reservados | Desenvolvido por: www.sv.com.br